Capex e Opex nos Gastos do Estado

Há dois termos importantes na gestão das empresas: Capex e Opex.

O Opex é aquilo que a empresa tem de gastar, mês a mês (vezes 12), para poder funcionar: pagar os salários, a água e a luz, a limpeza, o contabilista, etc.

O Capex é aquilo que era bom a empresa poder gastar: uma nova fotocopiadora, um BMW novo para o gerente comercial, pintar de novo o armazém, etc. É onde se corta primeiro quando não há guito.

No orçamento Silva o Opex seriam coisas como a renda ou a prestação da casa, a escola dos putos, a água e a luz, etc. O Capex seria uma nova TV LCD, um novo carro, prendas de Natal para a família toda, uma trupe de palhaços para a festa de aniversário do mais novo, etc.

Os dinheiros que o Estado gasta também têm esta divisão: o Opex chama-se Orçamento de Estado (OE) e o Capex chama-se PIDDAC (mapas anexos ao OE).

O Opex é aquilo que tem mesmo de se gastar. O Capex é aquilo que dava jeito gastar. Forma de em 2010 (e 2011; e…) cortar uns valentes pontos percentuais nos gastos do Estado: cortar com os gastos do PIDDAC. Todos. A direito. Sem contemplações. Não há dinheiro não há palhaços.

One comment