O Sr. Rating, Esse Bandido

Enquanto sou presidente da CMVM e vou à Europa prestar depoimentos em comissões de inquérito e os ratings são aplicados aos outros, o Sr. Rating é um gajo porreiro: “there is no reason why we shouldn’t continue to have faith in ratings given” ( http://www.europarl.europa.eu/hearings/20020710/teixeira.pdf )

Enquanto Ministro das Finanças e quando os ratings não são em meu favor, o Sr Rating é um filho da mãe e um incompetente: “erros cometidos pelas agências de rating” ( http://economico.sapo.pt/noticias/teixeira-dos-santos-acusa-agencias-de-rating-de-servirem-interesses-comerciais_80091.html )

Decida-se.

One comment

  1. Não foi esse senhor que foi considerado o pior ministro das finanças europeu pelo Finantial Times? Tem as honras de ser primeiro resultado para “pior ministro europeu” no Google:

    http://www.google.com/search?q=pior+ministro+europeu

    Se as agências de rating não valem nada e se enganam sempre porque será que os investidores lhes dão importância?

    As agências de rating são optimistas por natureza, para não criar pânico nos mercados. Se assim é, não nos podemos queixar do rating que temos. Como diz o Sr. Marc Faber: “We’re all doomed.. we’re doomed!”

    http://www.youtube.com/watch?v=mHsVCE0-smE