Longe de mim ser defensor da PT (aka Altice). Pela opinião expressa no artigo atrás (e verbalmente em alguns eventos públicos), fui banido de ser convidado para eventos patrocinados pela PT. Em 97 chateou-me ser arguido em processo crime (com potencial pena de prisão de 3 anos) por causa das práticas anticoncorrênciais dessa organização mafiosa. E nem hoje em dia tenho grande simpatia pela mesma, uma vez que não tenho as melhores memórias de interagir com o seu falso e hipócrita CEO quando trabalhava na Oni (o homem que em 2000 recusou uma proposta minha para criar o YouTube; Altice Labs Inovação my ass…).

Mas há algo que precisa de ser dito; se há merdas que não suporto são hipocrisias e falta de honestidade intelectual.

Continue reading

Screenshot from 2017-06-06 17-54-02… é o que me têm perguntado muito ultimamente. Como já me repeti muitas vezes, fica escrito para dar o link quando perguntarem outra vez.

É fácil: é uma moeda. Ou uma forma de moeda. É preciso mais do que isto? OK…

A bem dizer e de forma mais geral, é mais uma ficha (token). Tipo fichas da roleta no casino ou fichas dos carrinhos de choque. De forma mais geral porque, na realidade, a moeda e o dinheiro “a sério” (aquelas rodas de metal e rectangulos de papel que vos convenceram que podem usar para comprar melões) também são fichas (tokens). Algumas, como o bolivar, a moeda da Venezuela, com menos valor do que as fichas dos carrinhos de choque ou o cartão de pontos do Pingo Doce (também são tokens, ou fichas, ou “moedas”)

Ao fim e ao cabo, o dinheiro e a moeda são como o Natal, é o que um homem quiser.

Continue reading